quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Mãe, 09 anos sem você!


Foi em um 16 de agosto que minha mãe faleceu... e lá se vão 09 anos desde então! Já falei aqui em outro post, ela teve câncer no pulmão e era tabagista, muito embora tivesse parado de fumar antes de saber do tumor. 

Há um intervalo de duas semans entre o dia de hoje e a minha data em que parei de fumar. Agora um pequeno segredo: eu ia parar de fumar no dia 16 de agosto do ano passado, o mesmo dia que marca o falecimento da minha mãe!

Estava decidida, não sabia como ia fazer, mas não ia conseguir passar por essa data mais um ano como tabagista. De jeito nenhum! Conforme a data se aproximou eu fui ficando cada vez mais assustada e quando o dia chegou eu fiquei com medo e desisti. Ao mesmo tempo eu passei o dia todo com peso na consciência. Todo ano eu ficava, mas no ano passado foi diferente, talvez por ter sido a primeira vez em que a vontade de parar de fumar realmente falou mais alto. 

Apesar de ter fugido da data, não desisti da ideia. Decidi me dar mais 15 dias para me organizar melhor, procurar um método que me ajudasse, conversar com minha médica, meu marido... e o resto da história... bom,esse blog conta com mais detalhes!

No fundo eu acho que foi melhor assim. Cada data uma história e uma memória. Além disso o meu atraso de 15 dias me fez parar de fumar no Dia Nacional de Combate ao Fumo. Eu fui descobrir isso só depois... certeza que tem um dedinho da minha mãe aí!

Hoje faz 09 anos em que eu vi minha mãe partir e sofri muito! Vi com meus próprios olhos o resultado de uma doença causada pelo cigarro e senti na pele a dor dos que ficam, dos familiares que olham uns para os outros com cara de perdidos e perdidos ficam por anos e anos e anos. Nunca entenderei como o meu vício conseguiu ser mais forte do que as cenas hororosas que vi da doença que minha mãe enfrentou.

Em uma das últimas conversas que tivemos ela me disse: "Filha, se tudo isso que eu passei servir para fazer uma única pessoa parar de fumar, já valeu a pena!" em uma referência direta (e chocante) a mim. Foi horroroso ouvir isso dela, acima de tudo no hospital. Nunca mais tivemos tempo de conversar a respeito... é incrível a velocidade de um tumor.

Então hoje em sua memória  levarei para frente os seus mesmos dizeres mãe, apenas em um outro contexto: Se esse blog servir para alguém conseguir parar de fumar, já valeu a pena ter me exposto assim e ter exposto a nossa história. Desafio lançado, agora é com vocês leitores!


Saudades para sempre mãe! 💕

4 comentários:

  1. Lindo Carol. Oh, com certeza esse blog ajudou, ajuda e ainda irá ajudar muita gente a parar de fumar. Parabéns pela determinação guerreira. E até dia 29! ;-)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Ivan! Obrigada por tudo esse tempo todo! =)

      Excluir
  2. Parabéns Carol. Você com certeza foi um uma grande inspiração pra mim.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...